quinta-feira, 21 de junho de 2007

Inverno

Com a imagem de que inverno traz neve, Papai Noel e muito frio, estamos comemorando hoje a noite mais longa do ano. Na verdade, para os paulistas, o inverno não significa neve; ele significa escuridão, pois demora mais para amanhecer e também significa falta de chuva. - o que tem várias implicações em termos de saúde, pois a poluição aumenta muito. E, em parte, matamos parte do glamour do invernos assim.

Portanto, trata-se de um momento de chazinhos, tanto para inalações como para manter nossos corpos mais confortáveis.

Aqui na minha casa, o chá de buchinha com eucalípto sempre foi um santo remédio para os narizes constipados. Já o erva cidreira, um consolo para um estômago gelado.

Por alguns meses, vamos ficar aqui, pedindo por chuva, pois é São Paulo. Por alguns meses tb, corremos o risco de passar por todas as estações do ano em um dia só - se bem que eu acho que isso vale para todas as estações, hehe

Assim, penso que nosso país tenha uma riqueza que poucos outros tenham, pois herdamos uma tradição que não exatamente "bate" com o nosso clima - aqui, inverno não tem neve e não é em dezembro - porém, fazemos nossas mudanças e adaptações e temos festas singulares, nas quais reconhecemos nossos ancestrais e vemos as nossas necessidas, pois Festa Junina também pode ser uma comemoração de colheitas e de guardar para o Inverno.

Sabiam que os ucranianos pulam fogueira em seu festival de verão que acontece agora? Parece familiar de alguma forma? =)

Um excelente solstício para todos!!

4 comentários:

Raven disse...

Se você não tivesse dito que eram ucranianos, eu não ia ter percebido que não era uma Festa Junina...

Dançarina da Lua disse...

É um bom desafio sentir o inverno.Vc está em sampa, eu no Espirito Santo, ambos na região sudeste, certo?Aqui começa a temporada de vento sul,o vento gelado do mar,um horror para se gripar!rs

Mas continua sendo para mim a melhor epoca do ano!

Bjocas meninas!

Kytanna disse...

Pois é, chegou o inverno, chegou o vento sul no ES... e nas festas juninas/julhinas vemos coisas tudo a ver com o clima, é fogueira, é quentão, são comidas mais energéticas para aguentar o frio, é o pau de fitas, são as danças folclóricas... E a gente vê desde crianças, nas escolas e nas ruas, até os adultos, nos grandes festivais de São João, dançando e se divertindo, esquentando o corpo e não fazendo as tradições se perderam... Enfim, é lindo de se ver !!!!

Beijocas Enluaradas

dani oliveira disse...

Aqui em Pernambuco, chegam as chuvas , o tão sonhado frio e as festas populares em homenagem aos Santos. Eu fiz minha homenagem ao Deus e tb em homenagem a melhor época do ano pra mim. Eu odeio o calor...hehehe.

Beijocas.