quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Labirintos

Estamos labirínticas.

Desde que a Sarah Filhote de Lua descobriu como se desenha labirintos, nós três acabamos entrando nessa.

Hoje eu consegui, pela primeira vez, desenhar um labirinto em que dá para seguir direito até o meio e voltar. Os meus estavam sempre com becos sem saída. Depois vou postar a foto do meu desenho, feito a caneta esferográfica durante uma palestra sobre consumo na internet - tuuudo há ver, né?

A Pietra nos mostrou uma arte dela, feita com base em um modelo que a Thalia Took colocou em seu blog (a Thalia - olha eu íntima das pessoas! - também está numa fase cretense). Ai vai uma foto, para vocês conferirem:




Quem quiser pode baixar o modelo de labirinto clicando aqui!

Aguardem que, provavelmente, teremos mais sobre esse símbolo vindo aí!

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Web Rádio Tribos de Gaia

Olá, pessoas.

Inês e eu somos colunistas do site Tribos de Gaia... nenhuma novidade ai, lol

Mas, uma novidade interessante é que o site agora tem sua Web Rádio, e nela os nossos leitores podem ouvir nossas músicas queridas e amadas. Claro que não todas, mas algumas que gostamos muito.

Quem tiver curiosidade de saber o que vem tocando em nossos iPods, acesse: www.tribosdegaia.org

E na janelinha do Web Radio, clique no meu nome ou no da Inês.

Em breve, pretendo colocar meus podcasts.

Pietra

domingo, 23 de novembro de 2008

I am thankful for...



Dia 27 de novembro, esse ano, comemora-se o Thanksgiving Day, nos EUA. É uma data na qual as famílias se reunem e jantam, lembrando de quando, na colonização do país, os nativos ajudaram os colonos a arrumar comida e aprenderem sobre a nova terra. Claro que, pelos colonos serem protestantes, essa é uma data que tem um conteúdo cristão forte, pois lá se acredita que foi Deus que deu essa nova oportunidade para os colonos. Mas foram os nativos... e o conhecimento que eles tinham de sua terra... e de sua fertilidade e de tudo que ela poderia prover àqueles estranhos.

Acho que o Dia de Ação de Graças, o Thanksgiving Day, é significativo pois nele podemos pensar e agradecer pelo que temos, pela fertilidade da Terra e por tudo que nos sustenta. 

Obrigada, Terra e suas Filhas, pela vida rica e saudável que levo.

Também agradeço pelas minhas amigas queridas... minha gata companheira... pelo meu amor lindo... e pela recuperação de quem tomou um susto. Obrigada Marte por não nos deixar de lado e fazer com que tenhamos forças para plantar e colher.

E vc, a que agradece?
What are you thankful for?


sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Cala boca já morreu, quem manda em mim sou eu!

Eu perdi a conta de quantas vezes eu disse, pensei ou ouvi isso. Aliás, como parte docente de um colégio com muitos discentes, eu ouço um desses, em diferentes versões, todos os dias.

E, num desses dias, eu me peguei pensando numa coisa dessas.

Não necessariamente sobre a educação das pessoas, também, mas sobre o lance da liderança sobre outros. Existem crianças que são líderes natas. Elas juntam os colegas ao seu redor e acabam fazendo, com seu carisma, com que as outras repitam idéias dela, façam o que ela quer ou mesmo façam em nome dela. Acho isso impressionante. E, é dado que isso se leva para a vida adulta das pessoas.

E assim, nascem os líderes. De nações, religiosos, de empresas, de empreendimentos. Existem pessoas que conseguem mostrar e, às vezes, impor, seu jeito de pensar. E não que o façam por mal, mas sua energia envolve e suas idéias apelam às pessoas... algumas vezes, à muitas pessoas.

Eu venho observado muitas coisas esses últimos anos. E decidi que já me viram como líder. Eu não quero ser líder. Na verdade, eu gosto e preciso organizar as coisas, mas eu não quero seguidores. Nunca quis.

O que eu acho importante é sim que as pessoas se organizem. E que se juntem entre pessoas afins. Mas não faz sentido que se formem "igrejas" pagãs, com grandes rebanhos. Aliás, me pergunto se pagãos são arrebanháveis. Talvez sim, talvez não.

Eu entendo a necessida de quem está novo, verde nesse caminho de ter pessoas a quem olhar, a quem procurar quando precisam de orientação. E acho inclusive que um dos meus papéis como uma pessoa que produz um podcast, escreve textos na web e mantém um site, é mesmo de manter as pessoas informadas e ajudá-las a formar uma opinião. Sim, entendo meu papel de formadora de opinião, mas, além disso, eu rejeito qualquer tipo de idéia sobre uma liderança espiritual ou religiosa. Não sou madre, pastora, papa. Sou uma bruxa com algum (pouco) tempo de janela, que me permite me exprimir. E mais ainda: essa expressão não necessariamente reflete o pensamento de quem anda a meu lado. Em nenhum aspecto.

Por isso, faço um manifesto a quem pode pensar como eu e digo: nos livremos da cabeça alheia e façamos a nossa própria. Porque não existe mal algum em concordar com alguém e também em discordar.

Eu quero ter liberdade de andar em blogs, sites, podcasts e fóruns e não deixar uma impressão que estou "espionando" ou criticando. Não. Pelo contrário: como educadora, eu tenho curiosidade de saber o que tem na cabeça das pessoas. Dar dicas, idéias, aprender coisas novas. Para isso existe nosso mundo virtual. Para isso existem tantos encontros pagãos no Brasil.

Isso para mim é Paganismo Livre. É andar sem lideranças formais... é andar com as próprias pernas e cabeças e estar junto de meus pares, observando e admirando o que os outros fazem.

Do mais, beijo! Me liga. (Marco Luque, CQC da rede Bandeirantes de Televisão)


Pietra

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Instrumentos da Chris Wolf


A Chris Wolf nos mandou um pouco dos seus instrumentos. Entre os tradicionais athame, caldeirão, ervas e incensos, temos uma cerâmica turca lindíssima para a Senhora Afrodite, velas super bonitas e um baralho cigano Petit Lenormand - quando a maioria tem tarot, a Chris usa um baralho cigano e, pessoalmente, achei isso super legal!

Tem mais fotos no nosso Flickr, para quem quiser conferir tudo.

Se você também quer mostrar os seus, envie fotos e um textinho para stregheriapratica@yahoo.com.br.

sábado, 15 de novembro de 2008

Streghe rezam sim... e muito!


Eu sinto que existe um andar, um pensar nos caminhos mágickos e pagãos que acabou por fazer acreditar-se que, rezar é coisa de cristão. E pode ser sim, que eles usem muito essa palavra. Mas, como eu sou strega, e mts streghe são cristãs, eu não tenho problemas com essa palavra. Aliás, depois de acender um fogo no meu altar, eu sempre ofereço uma oração aos meus Deuses.

Eu sinto que a coisa pode, hoje em dia, ficar numa preocupação tão grande de como ritualizar e ter liturgias, quando algumas vezes, as coisas mais simples passam.

Eu penso nos romanos que sempre rezavam em seus altares aos ancestrais... E nas pequenas saudações em altares públicos.

Eu rezo aos meus Deuses. Muito. Da hora que me levanto... quando vejo o pão sobre a mesa... quando preciso andar por um lugar "esquisito" no centrão de São Paulo. Quando vejo as estatuas dos Deuses em parques, casas e jardins. Quando o dia amanhece, Eos nos abençoa com seus dedos róseos, Hélios sobe e Hemera desperta; e Apollo, Brilhante, nos ilumina em afazeres como chegar ao trabalho em paz... e para fazer o nosso.

Eu rezo aos meus ancestrais por estar aqui... por me permitirem conhecer pessoas boas e corretas. Por ter minha casa segura e feliz.

Streghe rezam. Para santos, anjos... para Nossa Senhora. Streghe pagãs tb rezam... e muito!
Afinal, é uma bênção divina estar viva e manter os caminhos antigos!

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Deusas e Roma, novo texto no Tribos de Gaia

Publicado um texto novo com uma reflexão sobre as grandes Deusas da Terras... as senhoras que mantém o nosso sustento.

"Quando pensamos em Bruxaria Italiana é muito frequente que se pense de cara em uma deusa: Diana. Mas existem outras deidades, outras deusas tão grandes em culto e em respeito em Roma quanto (e algumas até mais) que Diana.
Como um local de politeísmo, Roma abraçava muitas deidades, de Mitra a deusa Roma, muito do culto romano poderia ser visto com várias práticas, algumas mais estatais como o culto ao trio Júpiter, Juno e Minerva, e outros mais locais como o culto de Sullis, feito no que hoje é o sul da Inglaterra."

Para ler na íntegra, clique aqui!

quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Siga-nos!

Novo recurso do Blogspot que permite que as pessoas sigam o nosso blog. Ou seja, se você tem conta do Google (mais conhecida como Gmail) vai ver nosso blog na sua página de usuário do Blogspot e saber o que está rolando por aqui. E a sua fotinho e seu nominho aparecem na nossa lista de seguidores.

Esse recurso serve para vários outros blogs do mesmo servidor do nosso, tanto em português quanto em outras línguas.

Esperamos ver vocês lá! :)

domingo, 9 de novembro de 2008

Algumas palavras streghe: A


Algumas palavras relativas à Bruxaria Italiana com a letra A.

Angitia: deusa dos Marsi, senhora das serpentes e da cura.

Arruda: erva cujo poder é afastar o mal.  Auxilia nas bênçãos contra o mal-olhado.

Aliança: objeto sagrado usado em benzimento em algumas tradições de Benedicária.

Amor: o que nos une à nossa herança, ao nosso clã, a nossa Arte.

Aradia: filha de Diana, sagrada prima strega, para algumas tradições, senhora lembrada como trazedora dos Caminhos Antigos para os camponeses.

Às: primeira carta de cada naipe. Vital nas leituras de tarot ou de baralho. O que seria de nós sem essas primeiras fagulhas de sabedoria?


Se vc souber, lembrar e quiser compartilhar alguma coisa bruxa com a letra A, comente com a gente!

Em breve, letra B!

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Six Random Things meme

Bilingual posting!!!

Diana Luciano Grayfox has tagged us for this meme. So, here are the rules:

1. Link to the person who tagged you.
2. Post the rules on your blog.
3. Write six random things about yourself.
4. Tag six people at the end of your post and link to them.
5. Let each person know they’ve been tagged and leave a comment on their blog.
6. Let the tagger know when your entry is up.

Our random things:

Sarah 1: I am obssessed with notepads, notebooks and calendars. It is an inevitable addiction. If I spend too much time inside a stationary store, I will be sure to take something home.

Inês 1: I hate rice. I hate the taste of it, the smell of it, even its texture. I does sound weird, mainly here in Brazil, where rice is part of every main meal. But I can´t help it... though my friends always make fun of me.

Pietra 1: I have already interviewed a Spice Girl. Ok, former Spice Girl. My boyfriend worked for a radio station that got the interview, but no one there spoke English, so I had to get in charge... It was Mel C... 5 years ago.

Sarah 2: I play RPG (Role Playing Game). I can spend hours playing, having wine while killing some orcs. 

Inês 2: I am a xiite when the subject is rock ´n´roll. I hate to listen to my favorite songs on the radio, because they might get pop... And I do pay $200 to go to the concert of a band which last record with unrealeased songs was made in 1985.

Pietra 2: I am a personal stylist. So I am the person who can really make you throw tons of old hag clothes away, with a few tears... but looking great in the end!

So, now, we tag: Thalia Took, Ailia, Ginny Hunt, Darwill, Dani Salles and Iony.

Hope you enjoy it!

6 Coisas Aleatórias

A Diana Luciano Grayfox nos pegou no meme Six Random Things. As regras são:


1. Link a pessoa que te "pegou".

2. Poste as regras em seu blog.

3. Escreva 6 coisas aleatórias sobre você.

4. Pegue mais 6 pessoas e coloque os links no final do posting.

5. Deixe a pessoa saber que vc o pegou, deixando um comentário no blog dela.

6. Deixe os pegos saberem quando vc publicar seu posting.

Então, nossas coisas aleatórias, duas de cada strega:


Sarah 1: eu sou obcecada por cadernos, blocos de anotação e calendários. é um vício irresistível. não importa o quanto eu tente evitar, eu sei que se passar muito tempo em uma papelaria vou voltar para casa com algum novo.

Inês 1: eu não como arroz. eu detesto o cheiro, o gosto, a textura e a sensação do arroz na boca. parece esquisito, mas você se acostuma. e só tem vantagens, porque é menos carboidrato inútil na minha dieta. só não consigo me acostumar com as piadas infames dos meus amigos, que nunca se cansam de me encher por isso.

Pietra 1: eu já entrevistei uma Spice Girl. Ok, ex-spice girl. O meu namorado precisava de alguém que falasse com a Mel C e, como ele mesmo não fala, ela ligou aqui em casa e eu conversei meia hora com ela. Tenho gravado! O duro foi transcrever e traduzir.

Sarah 2: eu sou jogadora de RPG (role playing game). Jogo fazem dez anos e posso passar noites em claro bebendo vinho, rindo e matando orcs, tomando o poder em cidades vampíricas ou descobrindo novos mundos e novas civilizações em uma nave espacial de faz de conta. Inclusive, conheci meu companheiro jogando RPG. Vale dizer - sou uma completa nerd.

Inês 2: sou uma fã quase xiita de Heavy Metal. odeio quando as minhas bandas favoritas tocam no rádio e pago R$200 pra ver show de gente que lançou o último disco de inéditas em 1985. sou assim também com classic rock. amo banda velha. graças ao meu gosto, eu leio bastante sobre rock, jazz e blues. na verdade, meu trabalho de conclusão de curso da faculdade foi sobre rock e hoje eu sou uma pessoa mais feliz porque eu consigo identificar um canto chamado-e-resposta de blues numa música dos Rolling Stones.

Pietra 2: sou personal stylist. Eu fiz um curso técnico de personal styling e posso entrar em seu guarda-roupa e saber o que fica bem em vc e, principalmente, jogar pilhas de roupas fora... pq não dá pra ficar desmanzelada por ai, certo?

Agora, nós pegamos as seguintes pessoas: Dani Salles, a Green Womyn,  a Iony, do Alma Rubra, a Thalia Took, que amamos mt, a Ginny Hunt, que tem o melhor blog de tarot do mundo, o Darkwill e seus estudos de mitologia, e a Ailia, do Paleothea.

terça-feira, 4 de novembro de 2008

Ano Novo? Só em março!

Muita gente comemorou o início de um novo ano no dia 31 de outubro. Nas várias tradições da Wicca que seguem uma roda do ano baseada no ciclo sazonal do Hemisfério Norte, foi a hora de celebrar as renovações do ciclo da natureza.

Não sei se por conta disso, mas recebemos várias visitas no blog de pessoas que chegaram por aqui procurando o regente do ano de 2009. Bom, ainda estamos no ano de Marte - ou seja, regido por esse deus. O próximo ano será do Sol (portanto, ano de deuses solares, como Apollo, Hélios e Eos).

Mas fica um detalhezinho: o ano novo astrológico começa só em 21 de março. É nessa época quando o Sol completa sua volta em torno da terra e volta para o signo de Áries, fechando assim um ciclo astrológico.

Fazendo as contas, de novembro até março, ainda temos quatro meses. Por isso, ainda andamos sob o olhar protetor - e, por vezes, agressor - de Pater Mars (Pai Marte).

Então, pessoal, guardem suas velas douradas e símbolos solares mais um pouquinho. E em março voltamos a falar do Sol por aqui!

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Palestra: Pítia, a voz do oráculo


Este sábado foi mais um dia de palestras no Espaço Viver Alternativo. Como o tema da tarde era oráculos, eu resolvi, ao invés de falar sobre um oráculo ou uma divinação específica, resolvi falar sobre a Pítia, a Sibila e sua função como voz de Apollo.

Comecei falando um pouco sobre a história de Delfos, começando com o ser do Omphalos... de Gaia a Themis, até a tomada por Apollo, que Themis sabia que aconteceria, by the way.

Assim, vem a figura da Sibila, que com o corpo de mulher, representando a serpente, a terra e a materialidade, traz para nossa dimensão a sagrada voz dos Deuses.

A Sibila era uma das mulheres mais importantes da Grécia, e era quase uma "juíza" délfica.

O que me chamou muito a atenção, foi o interesse de quem estava na palestra sobre as palavras de Apollo dizendo que Sócrates fora o homem mais sábio da Grécia e que seu "Conhece-te a ti mesmo" ficou na entrada do templo. E como isso poderia se aplicar a cada um de nós, mortais que desejam saber mais de nós...

Conversamos sobre a função de Themis, a Ordem do Universo, de contar às pessoas como cultuar seus deuses... e como isso nos coloca mais e mais perto deles. Se acreditamos que somos abençoados pelos Deuses, quanto mais nos conhecermos e assim, nossa sentelha divina dentro de nós, mais saberemos Deles, e da Ordem do Universo. Saberemos quem somos e qual é o nosso lugar.

Mas para isso tb, nada em excesso! Foi uma tarde muito gostosa!

domingo, 2 de novembro de 2008

Mallocchio

Acho que todo mundo sabe que uma boa parte do trabalho das streghe - sejam elas cristãs ou pagãs - é tratar do mallocchio. Essa palavra tem vários entendimentos. Algumas tradições colocam que o mallocchio é um tipo de trabalhoa mágico para fazer o mal, que só é acionado por streghe. Aqui no Brasil isso é conhecido pelo nome popular de macumba, ou trabalho mesmo, já que nós temos isso mais ligado ao folclore, religiosidade e cultura que herdamos dos escravos que vieram da África.

A maioria das streghe não pagãs tratam o mallocchio como o nosso bom e velho mal olhado, ou olho gordo. Neste vídeo uma senhora italiana que mora nos Estados Unidos ensina como detectar o mallochio em alguém. Essa senhora é a mãe da Rue, dona do site Rue's Kitchen, uma bruxa muito simpática e que já deu seu aval para traduzirmos seus textos!

Aqui a mãe dela ensina a colocar azeite num prato com água. Dependeo de como o azeita cair e do desenho que formar, há mallocchio. Ou, como diríamos no Brasil, a pessoa está carregada.

Minha família tem uma mandinga bem parecida com essa. O jeito é um pouco diferente, mas o princípio é o mesmo.


video